Semana da Criança: restaurantes capixabas de portas abertas para a solidariedade

07/10/2021

Mais de 120 crianças foram recebidas por estabelecimentos associados ao SindBares e Abrasel no ES

O mês das crianças chegou e em um gesto de solidariedade, os restaurantes associados à Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel) recebem crianças de escolas, casas de acolhimento e Ong´s para participarem da 18° Semana da Criança Abrasel. O objetivo é, com atividades lúdicas, proporcionar experiências gastronômicas, atividades recreativas e socialização. No Espírito Santo a ação beneficiou 123 crianças da rede pública municipal e de instituições sociais nos dias 6 e 7 de outubro.


O presidente do SindBares e Abrasel no ES, Rodrigo Vervloet, destaca o caráter educativo da ação e de proporcionar momentos alegres para os pequenos. "É muito importante que toda a sociedade se envolva no desenvolvimento das crianças. A Semana da Criança proporciona esses momentos valiosos que aliam diversão e aprendizado de valores, como o trabalho. Bem como promover a cidadania, responsabilidade social e inclusão", comenta.
O empresário Bruno Uliana Guerra, que abre as portas de sua pizzaria Pizzamore, em Campo Grande, para cerca de 50 crianças, destaca que é sempre um momento especial receber os pequenos na Semana da Criança Abrasel. "Já participei em edições anteriores e o que nos motiva a aderir a ação novamente é poder acolher os alunos e proporcionar momentos especiais. Enquanto para alguns pode ser algo banal ir numa pizzaria, já recebemos em edições anteriores crianças que nunca tinham visitado um restaurantes desses, isso é marcante", relata.
Já Carlos Eduardo dos Santos, proprietário da Sfiheria, conta que participar da ação faz parte do compromisso da empresa em promover ações voltadas à responsabilidade social. "Antes da pandemia já recebíamos crianças mensalmente de escolas públicas municipais em nosso projeto próprio e também tinha participado outras vezes da Semana da Semana. O objetivo maior é acolher e incluir essas crianças", comenta.
A visita dos alunos da banda marcial da UMEF Paulo Maresguia, de Vila Velha, no estabelecimento de comida árabe contou ainda com uma linda apresentação musical dos meninos e meninas. Para o coordenador de Arte e Cultura da Prefeitura de Vila Velha, Edmilson Galdino, a iniciativa promove experiências novas e marcantes para as crianças.
"A pandemia mostrou o quanto as pessoas querem e precisam ser acolhidas e as crianças também têm essa necessidade. Depois de tanto tempo recolhidas em casa em função do isolamento, proporcionar esses momentos como a Semana da Criança Abrasel é marcante", comenta Galdino.
Em 2021, participam da Semana da Criança, além do Espírito Santo, participam também os seguintes estados: Amapá, Alagoas, Bahia, Goiás, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Paraíba, Paraná, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte, São Paulo, Santa Catarina e Tocantins.
Sobre o evento
Em 2003, em Londrina, no Paraná, uma pizzaria decidiu fazer uma ação solidária com as crianças da região. A proprietária do local, Richi Amaral, resolveu dedicar um dia do mês de outubro para oferecer aos pequenos comida, diversão e conhecimento.
Anos mais tarde, o que começou de maneira tímida virou uma grande onda de amor, respeito e fortalecimento de cidadania, envolvendo não só o estado do Paraná, mas todo o Brasil.
Hoje, o evento realizado pela Abrasel atende, por ano, mais de 10 mil crianças espalhadas pelo país. Esse ano, a 18ª edição da Semana da Criança Abrasel espera ter a participação de mais de 83 estabelecimentos do setor de alimentação fora do lar em nove estados e atenderá cerca de 5021 crianças de abrigos, creches e escolas públicas.