Justiça Capixaba adere à campanha Paz e Pão contra a Fome e pela Inclusão Social

08/07/2021

A Associação dos Magistrados do Espírito Santo (Amages), a Ordem dos Advogados do Brasil Seccional Espírito Santo (OAB-ES) e o Sindicato dos Servidores do Poder Judiciário do Espírito Santo (Sindijudiciário) se uniram e aderiram à campanha Paz e Pão, idealizada pela Arquidiocese de Vitória e assumida pelas Igrejas do Conselho Nacional de Igrejas Cristãs do Brasil (CONIC), lançada em abril deste ano.

O objetivo da campanha é enfrentar a fome e promover a inclusão social dos mais pobres, por meio da arrecadação e distribuição de alimentos e também através de doações fixas em dinheiro. Como a intenção é que a campanha seja permanente é sugerido que a doação seja, por pelo menos, um ano.

Amages, OAB-ES e Sindijudiciário participam da campanha incentivando seus associados a serem doadores, além de divulgarem a campanha em seus meios de comunicação para ampliar o alcance e a adesão à campanha. Um drive thru foi disponibilizado no Fórum de Vitória, na Cidade Alta, Centro, em que serão recebidos alimentos não-perecíveis e agasalhos em bom estado. O atendimento é de segunda a sexta-feira, das 12h às 17h.Todo material arrecadado será destinado a Arquidiocese de Vitória, que distribuirá para as mais de 280 mil pessoas dos 15 municípios atendidos pela Campanha.

Se preferirem, os associados também serão incentivados a doarem uma quantia fixa em dinheiro. O valor sugerido é de R$ 100,00 por mês.

O padre Kelder Brandão, coordenador do Vicariato para Ação Social, Política e Ecumênica da Arquidiocese considera muito grave o momento pelo qual a humanidade está passando: "A fome vinha crescendo nas camadas mais populares nos últimos anos e, com a pandemia, ela cresceu exponencialmente. São milhões de pessoas no Brasil e milhares no Espírito Santo vivendo em insegurança alimentar e nutricional, sem condições de fazer três refeições diárias", lamenta.

Ele comemora a adesão da Justiça capixaba. "É fundamental que nesse momento todas as instituições se organizem. Fico muito feliz com a união de todos os segmentos ligados a justiça porque eles possuem legitimidade social e uma capilaridade muito grande", acredita.

Coordenador da campanha entre o Judiciário capixaba, Marcelo Loureiro, juiz corregedor, acredita que a participação das entidades demonstra solidariedade, consciência e responsabilidade social em razão da pandemia e da situação de vulnerabilidade de diversas famílias no Estado. "Temos a possibilidade de colaborar com a contribuição permanente no valor de R$100,00, o que potencializa muito as ações de combate à fome", esclarece.

O juiz Getulio Neves, diretor do Fórum de Vitória, afirma que os magistrados têm a possibilidade de ajudar na divulgação da campanha, além de incentivar a adesão. "Nós também temos uma estrutura disponível para a arrecadação, que é o drive-thru no Fórum de Vitória, o que facilita muito as doações de mantimentos e agasalhos".

A presidente da Amages, a juíza de Direito Marianne Júdice, conta que os associados já contribuem com cestas básicas, que são destinadas a 55 famílias em situação de vulnerabilidade devido a pandemia. A iniciativa, que seria por por três meses, foi ampliada pelo tempo que durar o estado de calamidade pública. São 55 famílias atendidas através do projeto Casa Sol Nascente, na Serra, e Associação Casa do Caminho, em São Mateus. "Participar da Campanha será um grande prazer para os associados da Amages, que sempre contribuem para a igualdade não só de direitos, mas de condições melhores de vida para todos os brasileiros", afirma Marianne.

O presidente da OAB-ES, José Carlos Rizk Filho, aplaude a iniciativa das entidades. "É muito importante essa união e que tenhamos essa responsabilidade social para alcançar o bem de todos", considera.

Maria Clélia Almeida, presidente do Sindijudiciário, fala sobre a importância do sindicato participar da campanha durante a pandemia. "Vamos convidar todos os servidores a participarem dessa ação que mudará a realidade de muitas famílias. A responsabilidade social dos servidores do Poder Judiciário é contribuir para a construção de uma sociedade melhor porque temos uma preocupação com a comunidade na qual estamos inseridos, por isso "fazer o bem, sem olhar a quem" é nosso compromisso com esta campanha maravilhosa", acredita.

VEJA COMO CONTRIBUIR:

Doações de alimentos não-perecíveis e agasalhos em bom estado - Drive Thru do Fórum de Vitória - R. Pedro Palácios, 105, Cidade Alta, Centro, Vitória - ES - de segunda a sexta-feira, das 12h às 17h.

Conta Corrente: Banestes (Ag.104) - 32.054.793

PicPay: @pazepao

Pix:mitra.administrador@aves.org.br

Conheça o site: pazepao.com.br