Dicas para se cuidar no inverno A hora é de focar na pele e no corpo

07/06/2022

Faltando menos de 20 dias para o início do inverno, as temperaturas já andam mais baixas e os efeitos do friozinho já começam a serem sentidos. Entre eles, a pele ressecada. Neste período, é comum observarmos as pernas 'russas' como alguns nomeiam, algumas regiões do rosto mais craqueladas, as mãos mais ressecadas.

De acordo com a dermatologista e Membro da , Dra. Irene Baldi, chega o período em que o clima está mais ameno e acabamos ingerindo menos líquido e mais calorias, e a pele também sente este impacto além do clima diretamente. "É muito importante ficarmos atentos a continuar uma alimentação balanceada e investirmos mais ainda na hidratação do nosso corpo e da nossa pele", explica a dermatologista.

Doutora Irene dá algumas dicas que fazem toda a diferença no dia a dia, entre elas evitar o banho quente. "Sabemos que o friozinho chama aquela ducha quentinha e aconchegante, mas isto para a pele torna-se um vilão", afirma. "Tente usar o chuveiro no modo verão e não no inverno", diz. "Entre as dicas, o uso do hidratante diariamente, sempre após o banho faz toda a diferença e se puder acrescentar óleos de banhos na rotina auxilia muito na hidratação e no viço da pele", explica.

Além disso, o filtro solar deve ser usado normalmente, mesmo em dias nublados. "As pessoas iludem-se que a radiação é menor no inverno pelo luz solar está mais fraca, mas não, os raios UVA e UVB continuam intensos, e além disso temos as luzes artificiais", destaca Irene.

Tratamentos

Nesta época do ano, os consultórios dermatológicos tendem a ficar mais cheios, pelo clima mais ameno para recuperação dos tratamentos.

"Procedimentos como peeling e laser CO2, que causam descamação na pele para sua renovação e rejuvenescimento; Black Peel para iluminar, uniformizar e clarear as manchas para redução de manchas, cicatrizes, além de protocolos especiais onde podem ser utilizados associação de vários tipos de lasers com Drug Delivery fazendo um combo de procedimentos são ideias para o inverno", afirma a médica. "As pacientes preferem tratar a pele neste período, mas também temos muita procura pelo corporal já de olho no próximo verão", diz.