Dicas para não exagerar nas festas de fim de ano

20/12/2021

As festas de fim de ano estão se aproximando e com o avanço da vacinação, o ano de 2021 promete ser de reunião entre famílias, amigos, colegas de trabalho e ainda o Natal em que as ceias são tradição, e o Réveillon que mesmo sem ser em grandes festas, reúnem grupos em torno de petiscos, jantares.

"Com isso a tendência sempre é das pessoas cometerem exageros com comidas e bebidas e consequentemente sofrerem com crises de indigestão, intoxicações alimentares, excesso de bebida alcoólica, entre outros", alerta a endocrinologista e especialista em Medicina Esportiva, Gisele Lorenzoni.

A endocrinologista lembra que ainda estamos vivendo uma pandemia e atualmente este surto de gripe, então a orientação é alimente-se bem. "Não é hora de cometer abusos, pelo contrário tente celebrar com alimentos saudáveis, opte pelas saladas refrescantes, por sucos, água, mantenha-se hidratado", afirma a médica.

É claro que sabemos que as ceias tradicionais contam com um peru, chester, farofas e acompanhamentos como espumantes, vinhos, cervejas, sobremesas. "É claro que entendemos que todos vão celebrar, mas você pode tomar uma taça vinho ou um copo de cerveja e alternar com água, você pode comer uma fatia da carne branca ao invés de uma grande quantidade de comida gordurosa, há a opção da escolha", destaca.

Entre as dicas, Gisele sugere: "No dia das ceias festivas, coma normalmente dentro do horário da sua rotina, se a ceia for mais tarde, tente fazer um lanche à noite antes, como comer uma fruta, grãos, iogurte; Quando estiver comendo, mastigue com calma, tente não tomar líquidos durante a refeição; Evite colocar todas as opções no prato de uma vez, comece pela salada, se houver, depois coma a refeição principal, isto ajuda a evitar a gula, muito comum nesta época", explica a endócrino.

E por fim, lembre-se que depois a vida volta ao normal e suas taxas de açúcar no sangue, de gordura, entre outros, precisam estar de acordo com um corpo e mente saudáveis.