Blefaroplastia: Conheça o procedimento que reduz a flacidez das pálpebras

12/04/2021

Nem sempre as pessoas recorrem à cirurgia plástica atrás somente de melhora na aparência. Por vezes, a intervenção é necessária, como no caso da blefaroplastia, para a retirada de pele em excesso das pálpebras superior e inferior, além das bolsas de gordura e flacidez acumuladas nessa região, o que prejudicar a visão quando cai por cima dos cílios e fica à frente da pupila.

A cirurgiã Letícia Rizzo explica que a flacidez das pálpebras é ocasionada pelo envelhecimento, somada à exposição solar e à falta de hidratação. "Muitos fatores estão associados ao aparecimento dessas bolsas de gordura e pele na região das pálpebras, sendo o mais predominante a idade, vinculado à falta de hidratação e a exposição solar.

Além dos benefícios à visão, a blefaroplastia traz uma nova estética, o que aumenta também a auto estima do paciente. O procedimento é feito com anestesia local e leva em média 90 minutos para ser concluído, por isso é considerado um procedimento cirúrgico simples. Porém a especialista ressalta que os pacientes devem sempre buscar médicos capacitados.

Dra Letícia lembra ainda que não há nenhum prejuízo funcional às pálpebras, desde que o pós-operatório seja seguido de forma correta. O que ajuda até no processo de cicatrização, que tendem a ficar bem finas e imperceptíveis.