19/11 – Dia Mundial em Memória às Vítimas do Trânsito

19/11/2021

Uma pesquisa realizada pela Associação Brasileira de Medicina de Tráfego (Abramet), em parceria com a Academia Brasileira de Neurologia e o Conselho Regional de Medicina, indicou que cerca de 42% dos acidentes de trânsito no país estão relacionados ao sono. E isso acontece porque a privação do sono deixa as reações a estímulos mais lentas e diminui a exatidão de resposta e atenção.
Além disso, um estudo americano informou que o risco de colisões aumenta de maneira inversamente proporcional à quantidade de horas de sono entre os motoristas. Períodos de sono entre seis e sete horas levaram a uma taxa de risco de acidentes de 0,3 vezes maior em relação a indivíduos que dormiram ao menos sete horas nas 24 horas anteriores, podendo chegar a 10,5 vezes mais em períodos de sono inferiores a quatro horas.
"Por isso, é importante fazer paradas para descanso durante uma viagem, e, acima de tudo, dormir bem", explica a especialista em Medicina do Sono, Jéssica Poles. Ela embra que hoje, 19 de novembro, é o Dia Mundial em Memória às Vítimas do Trânsito, e que a situação precisa ser contornada. "As pessoas precisam dar mais atenção ao sono, principalmente quem trabalha dirigindo, como caminhoneiros, etc", ressalta. "A parada para o descanso é essencial para a saúde e segurança de todos", pontua.